The Doors - When The Music's Over

jLAr-WlxMZY

Há exatos 40 anos Jim Morrison deixava de brilhar entre nós para se tornar definitivamente uma estrela na constelação de nossos ídolos. As notícias das pessoas que visitam seu túmulo neste dia para prestar homenagem atesta o quanto ainda somos cerimoniosos quando a história são nossos antepassados. Respeito e veneração nessa mescla de misticismo e ceticismo contemporânea.

Um personagem excêntrico até na morte. Encontrado morto no apartamento, mas sem nenhum sinal de ato criminal, não foi realizada autópsia no corpo, já que para a legislação francesa só é permitido essa exame do corpo caso haja algum vestígio criminal. A dúvida se mantém, eterna como o delírio de Morrison.

Nosso presente nostálgico, com as lembranças de algo não vívido. Temos essa necessidade de recordar um tempo, uma angústia e uma crueza de sentimentos não presenciados. As mídias são nossa memória coletiva e por isso o vídeo de hoje: para lembrar... rememorar.

Toda essa reflexão me veio também em razão de uma peça que fui assistir ontem. O Butô de Mick Jagger em cartaz no teatro do Sesc da Esquina (só até hoje!). Na metáfora de duas amigas integrantes da mesma banda, presentes na antiga garagem de ensaio do grupo, a peça vivência esse sonho nostálgico que nossa geração herdou do rock. Gostaria de poder lembrar uma frase do texto da peça (ótimo!) para resumir o pensamento. Como não consigo, deixo a minha frase, para resumir o meu entendimento da peça e também a reflexão:

Somos essa possibilidade não realizada do sonho das gerações passadas que sonhamos viver. 

Não sabe onde ir hoje?

Rua Benjamin Constant, 400 Centro
Curitiba , PR

Café Parangolé

Estamos abertos todos os dias! De segunda a sexta: das 11h30 as 14h30 (almoço da Conchero - Confraria dos Chefs Roqueiros) Todos os dias: das 18h00 a 01h00 (Venha jantar e de QUINTA a DOMINGO aproveite para escutar o...
(41) 3092-1171
Avaliação:
Total de votos: 3592