O imorrível voltou

543z1U2caYI

Algumas semana atrás conversava com uma amiga jornalista que mudou-se para o Rio de Janeiro sobre minha atual fixação pelas raízes do Blues. Lightnin' Hopkins, Jesse Fuller, Skip James, Mississipi John Hurt, Son House... os mestres do groove e suas melodias densas e tristes. Então ela me indicou dois grooves brasileiros, com nossa ginga própria: Marku e a razão deste post, Di Melo.

Di Melo, pelo que ela me disse, está sendo recuperado no Rio de Janeiro, ou melhor, relembrado. Isso é um provável reflexo do trabalho feito por Alan Oliveira e Rubens Pássaro, que em 2009 começaram a pesquisa para realização de um documentário sobre o música. Di Melo - O Imorrível estreiou no Festival de Inverno de Garanhuns deste ano, onde dois anos antes Di Melo retomava sua carreira e inspirava os dois diretores a começar a pesquisa.

Pelo jeito o reflexo deste trabalho já chegou em Curitiba. Semana passada no Levante da Casinha, depois dos shows o Dj colocou um som e comentei com o Diogo do CuritibaCultura que parecia com o Di Melo, que a Camila, minha amiga, havia dito. Pouco depois chegou um outro amigo dizendo que o som era muito bom e foi perguntar pro Dj quem era, que informou o nome do músico. Chegando em casa ele me perguntou novamente, para poder baixar na internet.

Di Melo tem apenas um único disco, homônimo, gravado em 1975. Depois sumiu para só voltar no século seguinte. Sorte a nossa. Eu poderia repetir tudo que já li sobre o som dele, o que redundaria basicamente em dizer que depois do resgate de Tim Maia Racional, nada houve de mais importante na música black brasileira que o resgate de Di Melo agora. O som é contagiante.

Segue alguns outros links para matar a curiosidade:

Não sabe onde ir hoje?

Av. Manoel Ribas, 108 Alto São Francisco
Curitiba , PR

92º Underground Pub

RENDA-SE CURITIBA! O 92Graus está de volta e fervendo na pista.   Chegamos aos 20 anos de atividades, com aquela energia que todo jovem tem para seguir em frente, com bastante alegria e entusiasmo, divulgando e...
(41) 3045-0764
Avaliação:
Seu voto foi 1. Total de votos: 3705