SEGUNDA INFÂNCIA: eu sei dizer sem pudor que o escuro me ilumina.

SEGUNDA INFÂNCIA: eu sei dizer sem pudor que o escuro me ilumina.

Últimos dias para ver a exposição fotográfica da artista visual Nicole Lima. Lançamento do catálogo da exposição neste domingo (06/12).

Está terminando a exposição que discute os motivos e a necessidade de destruir e de reter imagens, ela poderá ser vista no Museu da Fotografia somente até o dia 10 de dezembro. Quem ainda não viu tem um ótimo motivo para fazê-lo neste domingo, 06/12, dia de lançamento do catálogo da exposição. Às 15h, haverá um bate papo com a artista visual e fotógrafa Nicole Lima, no local da mostra, em seguida, às 16h, a distribuição dos catálogos.

O que leva alguém a rasgar, destruir ou simplesmente jogar fora uma fotografia? O que de tão doloroso ou intolerável há nessas imagens? A curiosidade por estas histórias foi o ponto de partida da artista que há mais de três anos vem recolhendo e guardando negativos, slides e fotografias que os outros não querem mais. Muita coisa chegou por meio de doação, algumas revelam o motivo do descarte e trazem marcas de violência, outras contêm instruções de como devem ser eliminadas. Arquivos pessoais da artista também estão presentes, ela conta que na época que os pais dela se separaram, a mãe recortou o ex-marido de todas as fotografias e o ato a impressionou e foi decisivo.

“Este inventário que aqui apresento foi tecido a partir do entrecruzamento de imaginários vivos e mortos: restos de fotografias impressas descartadas por seus donos das quais me apropriarei para reapresentá-las destruídas ou reconstituídas, conforme as instruções de seus doadores”, explica  a fotógrafa. Num primeiro tempo a exposição se refere ao descarte e permite que o espectador participe triturando suas próprias fotografias e lembranças indesejáveis. Na segunda sala, uma pausa que invoca um olhar para dentro de si a partir, exclusivamente, da escuta. O ambiente é composto por depoimentos de cegos tardios em resposta a uma única pergunta: de que fotografias você se lembra?

De um lado, o desejo de destruir, do outro, o desejo de reter imagens, de acordo com a artista a exposição procura criar uma ponte entre essas oposições. As expressões que dão nome ao trabalho foram cunhadas pelo poeta Manoel de Barros. "Segunda infância" é a sobrevida dada às imagens descartadas. "Eu sei dizer sem pudor que o escuro me ilumina", alude às imagens latentes na memória dos deficientes visuais iluminadas por suas vozes. O terceiro ambiente, “A Sala da Separação”, expõe o espectador ao excesso de imagens e permite que ele mesmo decida o destino delas.

A exposição faz parte do Edital Ocupação de Espaços do Museu da Fotografia da Fundação Cultural de Curitiba.

SOBRE A ARTISTA - Nicole Lima

Artista Visual. Doutoranda em Artes Visuais – Multimeios. Mestre em Artes Visuais – Processos Artísticos Contemporâneos. Fotógrafa, crítica e pesquisadora em Artes e Linguagens Visuais, graduada em Arquitetura e Urbanismo, pela UFPR.  Atualmente integra o corpo docente do Centro Tecnológico da Universidade Positivo, onde ministra as disciplinas: Cultura Visual, Fotografia Autoral, Pesquisa em Fotografia e Composição e Estética.

Serviço

O quê: Dia 06/12 - Lançamento do Catálogo da Exposição Fotográfica de Nicole Lima “Segunda Infância: eu sei dizer sem pudor que o escuro me ilumina”.
15h- bate papo com a artista 16h- distribuição do catálogo
Quando: Mostra permanece até 10 de dezembro de 2015.
Que horas: Visitação: de terça a sexta das 9h às 12h e das 14h às 18h, sábados e domingos das 12h às 18h.
Onde: Museu da Fotografia Cidade de Curitiba. Endereço: Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533 / Solar do Barão – Centro / Contato: (41) 3321-3260.
Quanto: Entrada Gratuita.

Não sabe onde ir hoje?

Av. Manoel Ribas, 108 Alto São Francisco
Curitiba , PR

92º Underground Pub

RENDA-SE CURITIBA! O 92Graus está de volta e fervendo na pista.   Chegamos aos 20 anos de atividades, com aquela energia que todo jovem tem para seguir em frente, com bastante alegria e entusiasmo, divulgando e...
(41) 3045-0764
Avaliação:
Total de votos: 4695