Projeto curitibano apresenta obras eruditas para saxofone

Projeto curitibano apresenta obras eruditas para saxofone

O disco que vai ser lançado no dia 13 de maio conta com 8 peças – 7 delas inéditas. O projeto Nova Música para Saxofone reúne 15 músicos de Curitiba com o objetivo de ampliar o espaço do saxofone dentro da produção erudita brasileira. Na avaliação do coordenador artístico do disco, o compositor e saxofonista Sérgio Monteiro Freire, não houve, logo de início, produção grande o suficiente para que o instrumento fosse incorporado à tradição erudita como aconteceu, por exemplo, com o clarinete e a flauta.

“Durante um período após sua invenção, o sax foi quase rechaçado na música erudita. Por isso, nesse universo ele acabou sendo colonizado por adaptações de outros instrumentos e, com isso, parece que ficou sempre correndo atrás e emulando outras sonoridades. A imagem do saxofone remete à música popular”, avalia. Esse cenário, segundo ele, está mudando. “Há algum tempo a produção contemporânea erudita para o saxofone está crescendo e propondo um leque maior de espaços para este instrumento”, diz.

Produzido pela Gramofone, o álbum Nova Música para Saxofone conta com oito peças, sete delas compostas exclusivamente para o projeto e ainda inéditas. Para Sérgio Freire, esta é uma oportunidade para apresentar a música contemporânea de câmara para saxofone. “Tenho a impressão de que poucos diletantes apreciam essa expressão musical sem algum vínculo profissional. Essa é a expressão erudita dos nossos tempos e não pode ficar confinada a espaços autofágicos”, diz.

A apresentação de estreia do álbum, que foi viabilizado pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura da Prefeitura de Curitiba, acontece no dia 13 de maio, no Centro Paranaense Feminino de Cultura e no dia 14 de maio no pequeno auditório do Tetro Positivo, em Curitiba.

Formação

Todas as composições do disco são para serem tocadas por no máximo quatro músicos. Segundo Sérgio Freire, a execução do projeto em uma orquestra seria cara e suntuosa. “A música de câmara possui espaços viáveis. Ela é mais intimista, e é na intimidade que se pode conhecer algo”, diz.

As composições contemplam os quatro principais tipos de saxofone: alto, barítono, soprano e tenor. Há no disco duas composições para quarteto de saxofones que têm justamente o objetivo de explorar a linguagem de quarteto com os timbres destes tipos de saxofone: Luminous; e O Cabeça de Cuia no Pinheiral. Em outras peças, o instrumento é acompanhado por piano, percussão, guitarra, voz e efeitos sonoros.

Artistas

A maior parte dos compositores que escreveram para o projeto transita na cena erudita curitibana e também atua no meio acadêmico. Harry Crowl e Felipe Ribeiro são ligados à Escola de Música e Belas Artes do Paraná (Embap) e Mauricio Dottori à Universidade Federal do Paraná. Também acadêmico, Joaquim Ribeiro Freire Neto é professor na Universidade Federal do Piauí e pai de Sérgio Freire, que ao lado de Sílvio Tavares completa a lista de compositores. A direção musical é do também saxofonista Rodrigo Capistrano, ligado à Escola de Música e Belas Artes do Paraná, pesquisador do repertório brasileiro para saxofone na música de câmara.

Além de compositores renomados, o projeto conta com grandes participações também na execução das peças. Em um improviso livre, o poema Amar Você é Coisa de Minutos, de Paulo Leminski, é interpretado por Mossa Bildner. A cantora nova iorquina que atualmente mora em Curitiba tem uma sólida carreira musical e já integrou a Augsburg Opera House, na Alemanha.

Serviço

Primeiro show de lançamento do disco Nova Música para Saxofone
Data: 13/05/2016
Horário: 20h00
Local: Centro Paranaense Feminino de Cultura - Rua Visconde do Rio Branco, 1717 - Centro, Curitiba.
Entrada franca

Segundo show de lançamento do disco Nova Música para Saxofone
Data: 14/05/2016
Horário: 20h00 Local: Teatro Positivo – Pequeno Auditório - R. Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300, Campo Comprido, Curitiba.
Entrada franca

Não sabe onde ir hoje?

Rua Trajano Reis, 443 Centro Histórico
Curitiba , PR

Restaurante Alberto Massuda

Alberto Massuda Nascido no Cairo, Egito, em 1925, Alberto Massuda veio com 33 anos para o Brasil e fixou residência em Curitiba. Em 1958 naturalizou-se brasileiro. Antes de sua chegada, cursou Belas Artes no Egito e...
(41) 3076-7202
Avaliação:
Seu voto foi 1. Total de votos: 5902