Antonio Del Claro comemora 50 anos de carreira em Curitiba

Antonio Del Claro comemora 50 anos de carreira em Curitiba

O violoncelista Antonio Del Claro é considerado um dos instrumentistas mais completo e virtuoso do Brasil, que se destaca tanto na música de câmara, como solista. Nesta semana Curitiba terá a oportunidade de apreciar sua música em dois concertos, que incluem composições tchecas e russas. 

Na quarta-feira serão apresentadas duas peças de compositores tchecos. Abre o programa com “Sonata para violino e piano”, de Leos Janácek (1854-1928), considerado o maior compositor tcheco do início do século XX. A obra foi escrita durante os primeiros dias da primeira Guerra Mundial, entre 1914 e 1915. O próprio compositor disse que compôs a peça ouvindo o brandir do aço em sua cabeça. Em seguida será apresentado o famoso “Trio Dumky para Piano , Op 90 , de Antonin Dvorak. Último e mais conhecido dos trios do compositor, uma obra permeada com a beleza simples e de qualidade colorida de música e dança folclórica. A composição foi publicada enquanto Dvorak estava na América e foi revisado por seu amigo, Johannes Brahms.

Para o segundo dia de concerto o “Trio DelClaro – Ramalho - Pozzi” brindará o público com “Sonata para piano e violoncelo, de Sergei Rachmaninov, uma das composições mais significativas, concluída em novembro de 1901 e publicada um ano depois. Rachmaninov não gostava de chamá-la de sonata para violoncelo, pois acreditava que os dois instrumentos tinham igual peso, portanto também é chamada de Sonata para piano e violoncelo, aludindo à sua complexa escrita pianística. A obra foi dedicada ao violoncelista Anatoliy Brandukov, que tocou a peça em 2 de dezembro de 1901, em Moscou, acompanhado por Rachmaninov ao piano.

Para finalizar o concerto será apresentado o “Trio para piano, violino e violoncelo, Op. 67”, de Dmitri Shostakovich, escrito em 1944. Esta obra é uma homenagem do compositor ao seu amigo Ivan Solertinsky, sábio russo versado em várias artes, que morreu aos 41 anos. Composta em quatro movimentos, todos de caráter sombrio, a peça recria em seu final a dançada da morte que os prisioneiros judeus, obrigados pelos soldados nazistas, realizavam antes de serem mortos.

Serviço

Série Música de Câmara – “Trio Kiun – Del Claro- Ramalho”.
Dias 11 e 12/07, quarta e quinta-feira  às 20 horas (ensaio aberto dia 10 às 15h)
R$ 20 e R$ 10 (meia)
Capela Santa Maria
Rua Conselheiro Laurindo, 273 - Centro

Fonte: Assessoria de Imprensa

 

Não sabe onde ir hoje?

Praça Generoso Marques Centro
Curitiba , PR

Paço da Liberdade

Construído no início do século XX e após ter sido a sede do gabinete de 42 prefeitos e do Museu Paranaense, o prédio da antiga Prefeitura de Curitiba foi restaurado pelo Sistema Fecomércio Sesc Senac e passa a abrigar a...
(41) 3234-4200
Avaliação:
Total de votos: 4136