Onde está o queijo?

Onde está o queijo?

O dia decisivo se aproxima para a escolha do novo prefeito de Curitiba. Após mais de vinte anos de prefeitos da situação, a cidade mostrou sua insatisfação e votou em Ratinho Júnior e Gustavo Fruet para o segundo turno. Para estes candidatos chegou a hora de aprofundar suas propostas perante os eleitores, mostrar aquilo que pretendem para os próximos quatro anos.

A disputa acontece nos meios de comunicação, onde cada um produz suas notícias, suas fotos, seus programas eleitorais, feitos com a intenção de convencer e/ou produzir uma empatia de seu candidato com o eleitor. A definição é esclarecedora para descobrir a operação: propaganda eleitoral. Ou seja, o melhor a ser feito para descobrir o que existe atrás de boas imagens e palavras é ir além delas.

Tendo em vista o objetivo, fui dar uma olhada nos sites dos dois candidatos para saber mais sobre seus planos de governo. No site de Gustavo Fruet encontrei facilmente suas propostas, que além de resumidas em tópicos podem ser visualizadas de forma detalhada em dois volumes disponíveis para download.

Com a mesma intenção fui até o endereço de Ratinho Júnior na internet. Para meu espanto não encontrei nenhum link para as suas propostas - a tag #novasideias presente no site poderia ser um bom lugar para linkar o plano, já que ao clicar nela sempre voltamos para a mesma página que estamos. Pensei comigo que aquilo era impossível e inadmissível, e objetivamente cliquei em todos os links possíveis. No menu Sala de Imprensa encontrei o tópico Projetos, mas desanimei quando cliquei e me deparei apenas com uma foto do candidato e seu vice posando sobre o que parece ser uma planta de Curitiba. Para não ser injusto, conferi os dois primeiros programas de Ratinho para o segundo turno, onde uma bela moça pontua os seis pontos do plano de governo. Mas fica a pergunta: Onde está disponível o plano de governo completo?

Para acessar o plano de governo de Ratinho Júnior basta fazer uma pesquisa no google e baixá-lo em arquivo pdf, através de um link disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral. Ingenuidade acreditar que essa ausência é gratuita, o que me incitou a continuar o paralelo. Acessando a parte em que estão as notícias produzidas pelas campanhas de cada candidato, é possível enxergar estratégias diferentes. Enquanto a assessoria de Fruet apresenta uma forma mais orgânica na produção dos conteúdos, no sentido de adaptar o texto para cada tipo de situação, a de Ratinho Júnior demonstra optar invariavelmente por textos rápidos Difícil achar um que se aprofunde de alguma maneira - como no comparativo entre os desempenhos dos candidatos no Papo Universitário (12 - 20).

Mesmo dependendo da aprovação de um moderador, é possível comentar as notícias no site do candidato do PDT, opção não disponível no site de Ratinho. Outra opção oferecida no site de Fruet é a seção Raio-X Curitiba, onde o eleitor pode interagir dentro de um mapa apontando as necessidades da cidade. Nesse sentido, a única interação possível do eleitor com a campanha de Ratinho Junior são imagens para os usuários do facebook colocarem em seu perfil e possíveis fotos com o candidato para download e/ou compartilhamento. 

Nas redes sociais Fruet domina amplamente na comparação entre as páginas do facebook (Fruet 29.162 Curtir/ 33.261 Pessoas falando sobre - Ratinho Júnior 27.270 Curtir/ 14.627 Pessoas falando sobre), mas perde, apesar da curta margem, em número de seguidores no Twitter  (407 seguidores a mais para Ratinho Jr). Dentro das postagens no facebook a interação dos usuários com o conteúdo de Fruet é massacrante, basta acessar os links do parágrafo para conferir.*

Observando as estratégias e a comunicação dos candidatos na internet, é claro o melhor trabalho da equipe de Fruet. Notável também que Ratinho Júnior apresenta programas tecnicamente superiores nos meios massivos, Rádio e TV, mesmo que tropeçando no quesito criatividade, como sugere a comparação feita no blog do Esmael Morais entre o programa do candidato do PT em São Paulo, Fernando Haddad, e o do candidato da Coligação Curitiba Criativa. Tropeço reforçado também pela decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, que vetou a veiculação desta série de propagandas por "nítida semelhança" com as peças criadas pelo TSE para a campanha Ficha Limpa.

Massacrante também é a quantidade de cavaletes e plotagens em carros por parte de Ratinho Junior em comparação a Gustavo Fruet. Considerando as informações aqui levantadas é fácil concluir quem investiu mais dinheiro para a campanha, apesar da mesma ir contra o argumento de "um novo jeito de fazer política". 

Tudo isso para justificar que apesar do slogan novas ideias, quem está solucionando melhor em termos de comunicação é Gustavo Fruet, que parece mais conectado com a comunicação em rede, apresentando soluções mais pertinentes e uma postura mais aberta no sentido do trâfego de informações e comunicação com o seu eleitor. Essa pode ser uma forma de compensar seu fraco apelo na campanha de rua, rádio e TV.

Ratinho Júnior aposta no velho modelo de comunicação via tradicionais meios de massa - trocadilho pronto - e no alto investimento em materiais para sua campanha nas ruas, deixando de explorar o potencial de comunicação de um meio mais democrático, participativo e sustentável, colocando em xeque valores que tanto enfatiza em seu discurso. Esse seria, no ponto de vista da comunicação, um desafio essencial para justificar em atitude suas palavras.

*Números anotados na tarde do dia 16/10/2012

Outros rabiscos do Romã

Não sabe onde ir hoje?

Rua Benjamin Constant, 400 Centro
Curitiba , PR

Café Parangolé

Estamos abertos todos os dias! De segunda a sexta: das 11h30 as 14h30 (almoço da Conchero - Confraria dos Chefs Roqueiros) Todos os dias: das 18h00 a 01h00 (Venha jantar e de QUINTA a DOMINGO aproveite para escutar o...
(41) 3092-1171
Avaliação:
Total de votos: 3505